Meus dados vazaram, e agora?

Autor: Telium Networks, 24/06/2022 às 11:00
Meus dados vazaram, e agora?

Já conversamos recentemente sobre diversas formas de proteger suas informações, dos cuidados ao utilizar a internet aos detalhes do que é permitido ou não, para empresas, de acordo com a LGPD.

Mas, como nem tudo no mundo é tão simples, vamos imaginar que todas essas medidas falharam e seus dados foram vazados na internet.

O que fazer?

O primeiro passo é averiguar se é possível saber quais informações foram vazadas e se elas representam algum risco físico ou financeiro para você.

Por exemplo, em um caso recente, uma gigante japonesa teve mais de 300.000 registros de cartão de crédito vazados na internet, o que pode apresentar um enorme risco financeiro para diversas pessoas.

Do outro lado do mundo, algumas empresas no setor de convênios de saúde nos Estados Unidos estavam disponibilizando o endereço de seus clientes por meio de buscas simples em seus websites, o que fez com que diversas pessoas, vítimas de violência doméstica, fossem encontradas por seus agressores.

Se esse tipo de informação sensível foi vazado, é essencial que você possa alterá-las com grande urgência, entrando em contato com as instituições financeiras competentes. Em caso de informações que não possam ser alteradas e possam apresentar riscos físicos para a integridade da pessoa, é importante comunicar a polícia sobre qualquer pessoa que possa representar perigo e contar com a ajuda de amigos e familiares.

Esses dois casos, é claro, representam extremos e não são os únicos problemas que podem ocorrer. No caso de números de documentos vazados, é necessário fazer um boletim de ocorrência para evitar que fraudes sejam realizadas em seu nome.

O lado legal

Medidas emergenciais tomadas, a vítima pode buscar os responsáveis pelo vazamento de dados para reparação de danos resultantes da divulgação não autorizada de dados sensíveis.

Esse tópico, é claro, envolve a LGPD e é necessário o auxílio de profissionais especializados para que se possa prosseguir.

As violações das disposições da LGPD podem acarretar multas e sanções pesadas para uma empresa.

O lado digital

Com os fatores mais sensíveis resolvidos, temos que sanar o problema com a sua vida virtual. Primeiro, é essencial utilizar um computador limpo, por isso, escolha uma máquina diferente ou formate sua máquina regular.

Feito isso, troque todas as suas senhas e de preferência para opções com mais de um fator de autenticação para evitar problemas futuros.

No caso das redes sociais, procure informar qualquer pessoa que possa ter recebido mensagens ou links suspeitos partindo das suas contas, uma vez que eles também possam ser vítimas de ataques virtuais por parte de alguém que tenha conseguido acesso às suas informações.

Contenção e prevenção

É difícil prever se uma empresa terá suas informações vazadas na rede, o que torna muito difícil uma reação imediata ao incidente, uma vez que só iremos descobrir que somos vítimas quando algum dano já tiver sido causado. Nesse caso, as medidas de contenção que abordamos aqui tornam-se essenciais para evitar que os problemas se espalhem.

Existe também a possibilidade de que suas informações sejam vazadas por você mesmo!

Isso ocorre quando você voluntariamente passa seus dados para fontes duvidosas, como um cadastro online ou uma chamada telefônica. É importante ressaltar que a maioria dos roubos de informação é feita com técnicas de persuasão e não com tecnologia.

Por isso, é importante ter consciência de onde você está preenchendo suas informações.

Segurança virtual é um assunto sério, do usuário doméstico às grandes corporações.

 

 

Nuvem de tags